domingo, novembro 18

Ser, crescer, amadurecer...

  Ultimamente ando refletindo bastante sobre o amadurecer. Afinal de contas, o que é realmente amadurecimento? De acordo com os meus meros devaneios...
  O amadurecer se encontra entrelaçado ao tempo e a tudo que ele proporciona. Amadurecer não se refere a uma graaaande mudança apenas, mas pode se tratar de uma pequena ou até mesmo imperceptível mudança, mas ela está ali, em você, dentro do seu ser, te fazendo crescer.
  Esse processo se encontra ligado ao tempo, como eu já afirmei... mas o que seria esse tempo? A concepção comum de tempo é indicada por intervalos ou períodos de duração. Então qualquer unidade de medida temporal se aplicaria aqui certo?! Tipo, segundos, minutos, horas, dias, meses, décadas, milênios... O amadurecimento pode acontecer dentro de um segundo então! Sim, porque não?! Se dentro desse segundo algo te fez mudar, repensar, abrir as ideias, pensar diferente, eu digo que você já não é mais o mesmo de um segundo atrás, portanto você amadureceu! Por isso aquela ideia de que aprendemos com o tempo e de tudo passa com o mesmo. E na verdade nada passou com o tempo... tudo se transformou, pois eu mudei. 
  As vezes a gente fica esperando uma situação problemática, para nos ensinar a viver, para superarmos e aprendermos... e finalmente nos tornar maduros! A verdade é que esses momentos só servem para colocarmos tudo aquilo que aprendemos com os nossos momentos de amadurecimento em prática. E se você errar, quebrar a cara e não saber colocar em prática... calma! Não significa que você é um imaturo e blá... significa que você é maduro o suficiente para admitir que errou, e isso lhe proporciona outro momento de amadurecimento, de aprendizado e novas experiências. 
  A questão é... você tem que se permitir amadurecer também, de nada adianta se manter inflexível diante da vida. Você tem estar disposto a mudar, estar de mente aberta para novas opiniões, questões, e tudo. Isso te enriquece, te amadurece! 
"Quer dizer, eu sei quem eu era quando acordei hoje de manhã, mas já mudei uma porção de vezes desde que isso aconteceu. (…) " Alice no país das maravilhas - Lewis Carroll  
  Isso tudo me faz lembrar de Heráclito e uma suas filosofias. Segundo ele, nada permanece imóvel e nada permanece em estado de fixidez e estabilidade, mas tudo se move, tudo muda, tudo se transforma, sem cessar e sem exceção ("tudo flui"). Ele chega a afirmar que um homem nunca se lavará no mesmo rio duas vezes, primeiro porque este homem já não é o mesmo, pois mudou e segundo porque as águas do rio já não serão as mesmas, pois elas também se transformaram. Será que a mudança desse homem não foi provocada pelo amadurecimento?! 
  Viajei na maionese? Essa questão tava dançando em meus neurônios, e é sempre bom compartilhar essas ideias... ficaria feliz de saber a opinião de vocês!
Bjs!

13 comentários:

  1. Hey!!
    Isso também me lembrou bastante Heráclito, haha, e eu concordo com essa "teoria" dele, de que tudo muda, o tempo todo, inclusive nós!!
    Beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oie! Também concordo com essa teoria de Heráclito ;)
      Bjs!

      Excluir
  2. Amadurecer é algo pessoal. Muitas vezes uma pessoa pode ser imatura com 30 anos e outra de 12 anos ser muito mais madura do que a gente espera. A gente tem que se deixar crescer. :)

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  3. Olá.
    Adorei seu blog e gostaria de te convidar a divulgar sua postagem em meu Portal.
    Portal de Blogs Teia, um portal só de blogs de qualidade .
    Se interessar é só nos fazer uma visitinha,é grátis, rápido e não precisa cadastro.
    Espero que aceite.
    Até mais

    ResponderExcluir
  4. Em primeiro lugar, adorei as imagens da Alice ilustrando o post, achei que combinou bastante com o tema! E "amadurecer" é uma coisa relativa demais e como já disseram mais acima, pessoal. Vai de pessoa pra pessoa, de mente pra mente. Além de que tem muitas outras coisas influenciam no crescimento mental das pessoas...
    Adorei!
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou! E concordo com tudo que você falou.
      Bjs ;)

      Excluir
  5. Não viajou na maionese não, acho que você expressou sua opinião de forma muito clara e é exatamente o que eu penso. Nós amadurecemos de diversas formas, pois temos diversos aspectos em nossas vidas para crescer e pode mesmo acontecer em um segundo. Acho que o maior amadurecimento é mesmo admitir os erros, ou então pedir desculpas a alguém que ama mesmo quando sabe que está certo. É deixar de lado o orgulho pra fazer a coisa certa pra viver bem... ps: adorei as fotos de Alice, caiu bem com o tema.

    Beijos. Tudo Tem Refrão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também acho que nada melhor do que reconhecer os erros e pedir desculpas, ao contrário do que muitos pensam isso não é humilhante mas demostra maturidade. Ah que bom que não viajei tanto na maionese, haha. Que bom que gostou!
      Bjs!

      Excluir
  6. Eu adorei teu jeito de expressar, abordar o assunto e as imagens de Alice, só me deixaram mais apaixonada. Eu amo esse filme, e adorei sua forma de expressar o que sente, sweet.

    Beijos, Letícia.
    wesoldiersoflove.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  7. Muito bom o seu texto, você estava mesmo inspirada né, e que história seria melhor para ilustrar esse tema do que Alice.
    O que eu penso sobre isso é que o processo de amadurecimento é diferente em cada um de nós, não apenas depende de nós mesmos como depende das pessoas ao nosso redor e das escolhas que fazemos na vida.
    Abraços.

    http://viciadoemlivrosefilmes.blogspot.com/

    ResponderExcluir